Grupo de transformação pessoal

Faz hoje exactamente uma semana que terminou o primeiro grupo de transformação pessoal (GTP). Foram 6 meses de descobertas e mudanças na pessoa e na vida de cada um dos participantes.

Sair de um emprego há tanto tempo indesejado e tentar a sorte lá fora, conseguir o estágio há tanto tempo pretendido, deixar de querer agradar às outras pessoas e ser mais autêntico, conseguir aumentar a sua capacidade de ouvir os outros, aumentar o seu senso de realidade no pedido de retribuição pelo trabalho realizado e equilibrar a sua dimensão emocional. Estas foram algumas das transformações que se deram aquando da dedicação com afinco dos participantes a estas dimensões bem como a ajuda do facilitador e dos restantes participantes.

Para cada uma destas pessoas foi uma experiência diferente de todas as experiências, uma vivência plena de significado, de encontro consigo próprio e com os outros.

Este foi o resultado de ter extraído o que encontrei o que de melhor há entre os grupos de encontro rogerianos que pretendem ser um espaço para conhecer melhor os outros e a si próprio e o que encontrei no grupo de coaching e a sua capacidade de capacitar as pessoas para o alcance dos seus objectivos. Desta forma não é um grupo tão pouco estruturado como os Grupos de encontro do Rogers, nem tão estruturado como um grupo de coaching. As pessoas acabam por trabalhar os mudanças a que se propõe de uma forma mais fluída.

Ainda há muito caminho por fazer, muita experiência a acrescentar, mas estou convicto que está aqui uma metodologia que será muito interessante desenvolver nos próximos tempos com resultados de alguma forma previstos pela teoria mas que não deixam de ser surpreendentes.

Testemunhos 

Débora: ” Este grupo foi muito importante para conseguir finalmente sair de um emprego que me sugava a energia e arriscar fazer aquilo que sonhei.”

Pedro: ” Com o grupo consegui aceitar-me mais a mim próprio e depender menos de querer agradar aos outros.”

Mariana: ” Agora consigo ouvir melhor os outros como pretendia e tenho aprendido imenso com isso.”

Rogério: “Esta foi uma enorme oportunidade para saber que tinha aquele tempo para cuidar de mim.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *